Em tempos de crise precisamos de conforto, e há poucas coisas mais reconfortantes e familiares do que o Senhor dos Anéis.
A Sara e o Gui estavam a sentir-se em baixo este fim de semana, e decidiram enrolar-se no cobertor quentinho e felpudo que é o Senhor dos Anéis, e redescobriram o seu amor por este clássico, e gostaram tanto que decidiram fazer um podcast sobre isso. O Senhor dos Anéis é a obra seminal de fantasia, escrita por J.R.R. Tolkien, e que foi adaptada para a trilogia de filmes brutalmente bem sucedida, realizada por um Neo-Zelandes gordinho obcecado por filmes gore. A Sara e o Gui exploram as origens do worldbuilding do Senhor dos Anéis, explicam a influência que teve nas suas vidas pessoais, falam de algumas das tentativas antigas de adaptar a obra para o cinema, falam do impacto cultural da obra na sociedade e no resto do entretenimento, fazem comparações com Game of Thrones e The Witcher, analisam as personagens, os castings, a realização, até do raio do design de produção eles falam! Quantas vezes é que já ouviram pessoas entusiasmadas com design de produção? É isto que o Senhor dos Anéis faz às pessoas!

A original, a única, Bicha do Demónio.